Palocci diz que 3% da publicidade da Petrobras ficava com o PT


O ex-ministro Antônio Palocci revelou o esquema de propinas nos contratos de publicidade da Petrobras, conforme divulgação com exclusividade de O Antagonista. A seis dias da eleição, o Juiz Sérgio Moro derrubou o sigilo da delação.
Segundo o ex-ministro, as empresas de marketing e propaganda contratadas pela gestão de Wilson Santarosa, “destinavam cerca de 3% dos valores dos contratos de publicidade ao PT através dos tesoureiros”.
Ainda de acordo com O Antagonista, Santarosa, que comandava a Gerência Executiva de Comunicação Institucional da estatal, era conhecido líder sindical dos petroleiros do PT de Campinas, ligado a “Lula, Luiz Marinho e Jacob Bittar”.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

RB Líder FM - Ruy Barbosa! © 2013 - 2018 | Desenvolvido por Junior Pacheco