Policial que matou ladrão em porta de escola é eleita deputada federal


Caso aconteceu na porta de escola durante festa do Dia das Mães
A policial que ficou famosa depois de matar um ladrão em frente a uma escolaem Suzano (SP) foi eleita deputada federal. Kátia da Silva Sastre, 42 anos, foi a sétima mais votada no estado. Ao todo, ela teve 264.013 votos, o equivalente a 1,25% dos válidos. 
O estado de São Paulo elege 70 deputados federais. Nas urnas, ela usou o nome de Policial Katia Sastre e durante a campanha usou o vídeo em que aparece matando o ladrão para pedir votos aos eleitores.
Na campanha, ela dizia: "atirei, e atiraria de novo". Usando a farda da polícia, ela usou o vídeo para dizer que agiria no combate ao crime. "Vou ter sempre a mesma atitude no combate ao crime. Coragem eu tenho", afirmava.
Relembre o vídeo:


A policial faz parte do 4° Batalhão de Ações Especiais de Polícia, da Zona Leste da capital. 
Assalto
O suspeito de 21 anos estava com um revólver calibre 38 e já tinha abordado outras mães, além de ter revistado o segurança da escola para ver se ele portava armas.
Segundo a PM, a policial viu a movimentação e ouviu uma mulher dizendo que era assalto. Neste momento, ela foi se afastando, sacou a arma e disparou três vezes contra o suspeito.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

RB Líder FM - Ruy Barbosa! © 2013 - 2018 | Desenvolvido por Junior Pacheco